Apesar de ser regulamentada há muitos anos no nosso país, a assinatura eletrônica ainda é um assunto complicado para muita gente!

Aos poucos, as pessoas e empresas estão conhecendo o quanto podem economizar em tempo e dinheiro em seus processos internos.

Nós nascemos para tornar o seu cotidiano mais simples e para fazer você dar adeus a todas as papeladas. Pensando nisso, trouxemos uma lista de 5 coisas para você não esquecer sobre assinatura eletrônica! Segue o fio 👇

1- É regulamentada no Brasil desde 2001 sim, desde o início do século!
O Brasil conta com um conjunto de normas, padrões e procedimentos que recebe o nome de Infraestrutura de Chaves Públicas (ICP-Brasil). Qualquer entidade emissora de certificados digitais precisa ser autorizada pelo ICP e seguir as normas de segurança estabelecidas.

2- Traz um ganho de tempo e custo operacional inestimáveis
Assinar documentos no método tradicional traz muita dor de cabeça e perda de tempo! É necessário imprimir muitos papéis, se locomover até o local de coleta, deixar o documento, buscar o documento… É bem cansativo, fora o custo!

3- Basta ter um dispositivo com acesso à internet
Celular, tablet, computador, notebook… Você consegue assinar um documento usando qualquer dispositivo que esteja conectado à internet.

4- Sustentabilidade garantida quando o assunto é produção de CO2

Você já parou para pensar na quantidade de papel que sua empresa consome? Com a assinatura eletrônica, você passa a trabalhar com documentos digitais, evitando o corte de várias árvores.

5- É possível assinar qualquer documento com a assinatura eletrônica

Como a assinatura eletrônica pode ser utilizada em vários documentos, são também diversos tipos de empresas que podem se beneficiar desse recurso, sejam elas grandes, médias, pequenas e até MEIs.

Ficou interessado na assinatura digital, mas não sabe o próximo passo? Entre em contato conosco agora mesmo! Acesse: d4sign.com.br

Deixe uma resposta